Image Map

quinta-feira, 7 de abril de 2016

Sumiço desses dias! Tempo! Crise de Ansiedade que me levou ao Hospital novamente!

As poucos que lêem meu blog acho que já perceberam que sumi e já devem ter visto meu vídeo no youtube onde expliquei que isso aconteceria.
Fui passear no Feriado de Páscoa e este passeio se tornou um verdadeiro caos, pois tive de ser socorrida á 1:30 da madrugada na maravilhosa cidade chamada Águas de São Pedro, aliás onde fui muito bem atendida.
Fui para descansar, me divertir e neste dia precisamente caminhei por trilhas, passei por cachoeiras lindas e estava tudo tranquilo.
À noite fui passear com meu marido e filho, demos umas voltas, fomos em um barzinho, voltamos logo e fomos dormir mais cedo, pois já tinhamos um passeio programado para o dia seguinte e naquela madrugada começou o meu martírio, mais uma Crise de Ansiedade ou Pânico para quem conhece quase acabou com a minha vida.
O desespero foi total, pois meu marido coitado não sabia como me socorrer e desta vez foi diferente das outras vezes não fiquei sem respirar, não sufoquei, não me deu taquicardia, eu simplesmente senti eu um negócio horrível vindo como a morte e então tudo foi tudo paralisando.
Todo o meu corpo, braços, pernas, minhas mãos, rosto e até minha boca, mas quando minha língua começou a enrolar e eu comecei a falar tudo atrapalhado ai me apavorei e pensei vou ter um derrame agora.
Neste momento só falei: estou passando mal, meu marido perguntou: o que sentes, e eu disse: acho que vou ter um derrame e foi só o que consegui falar direito porque depois tudo que falava era atrapalhado.
Foi maior correria no hotel onde eu estava, chegando na Unidade de Saúde da cidade o médico descobriu que aquilo que eu estava tendo era uma crise e devido a gravidade teve de me medicar ou poderia ficar pior.
Cheguei de volta ao hotel e tudo se apagou e somente acordei quando eram quase 8:00hs da manhã, já hora do café e nem lembrava que tinha apagado.
Evidentemente fui procurar ajuda gente, passei na médica, estou a passar na psicóloga também e a fazer a yoga e o pior tive de tomar calmante natural pelo menos devido aos tremores que a ansiedade estava me causando e a não conseguir dormir, ainda bem que não foi aqueles fortes somente de plantas já me ajudaram.
Apesar de todos os meu cuidados, a minha concentração, respiração, meus exercícios, isso insiste em continuar e estou na luta para descobrir o porque meu corpo diz que algo esta errado.
É como se ele dissesse: Resolve essa questão ou vou continuar com isso, você não sabe ou não quer saber, não lembra ou não quer lembrar.
Resolva isto ou vou continuar e estou a tentar resolver, por isso estou afastada não porque quero, são médicos e médicos.
Noto que as pessoas se afastam e poucas ficam do nosso lado apenas as que realmente gostam da gente.
Mas de certa maneira isso é bom, pois vemos quem quem realmente é amigo.
È somente isso que vim falar, explicar que não sumi porque quero, que estou lutando com todas as forças para voltar e ser a Jenny que eu era e para seguir minha vida adiante e a sorrir, pois entristeci....
Mas não vou desistir vou até o final descobrir o que esta me afligindo tanto e lutar contra isso, pois Deus esta comigo...
Fiquem com ele!!!
Abraços!!!
Por Jenny Jennial!

6

6 comentários:

  1. E eu não consigo buscar ajuda! :/ As minhas crises têm sido frequentes e cada vez mais fortes, uma falta de ar absurda, taquicardia, me sufocando, tremendo e vários outros sintomas. Imagino como essa sua 'experiência' foi horrível.
    Fique bem, que Deus acalme seu coração e cure esse mal que insiste em permanecer com você.
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nanda precisa de ajuda amiga, precisas caminhar, tem que que descobrir da onde vem, isto nos ataca e não sabemos e a médica me alertou que se não descobrir o que meu corpo esta me falando a coisa vai piorar.
      Pensei que a morte vinha sobre mim, eu falava tudo enrolado fiquei com muito medo confesso e por isso piorou ai veio com tudo porque precisamos nos controlar.
      Mas desta vez não teve jeito o pavor foi muito maior.
      Que você fique bem e sei como é difícil só nós que temos isso sabemos o que é.
      E o medo hein amiga que da da próxima crise, mas temos que ter pensamentos positivos.
      Força ai para você, fica com Deus que ele possa lhe iluminar e cuidar de ti.
      Qualquer estou aqui ou no face.
      Beijão!

      Excluir
  2. Olá! Conheço bem o que senti.Já tentou fazer yoga? Se dedicar a espiritualidade,alguma religião... Li um livro Mto bom que me acompanha até hoje.Das edições Paulinas,se chama Liberte-se do medo.Do autor Carlos G.Valles.Melhoras,abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Angel já estou a ver a yoga e o pilates juntos, estou a fazer a Terapia também tentar descobrir o porque meu corpo quer que eu saiba de algo.
      Eu já fazia meditação, respiração e caminhava mas não resolveu.
      Estou tendo de tomar a Valeriana é de planta e fraco mas tem me ajudado a dormir coisa que nem isso eu estava mais.
      E esta diminuindo a ansiedade, porque parece que devido a eu estar entrando numa fase nova para a mulher na verdade nem entrei meu corpo esta começando, parecendo que sofremos um tipo reflexão sobre nós mesmos e tem que estar tudo certo.
      E se não tiver o corpo te avisa mandando os ataques e você tem que resolver.
      Estranho a mente humana tudo esta guardado e de repente bum explode...
      Obrigada!
      Vou procurar este livro....
      Beijus

      Excluir
  3. Oi amiga,melhoras pra você nunca senti isso mais já ouvi falar muito sobre isso
    Tenho certeza que vai virar essa pagina,cada vez mais linda hem amiga
    Beijinhos
    /Facebook/Blog/Instagram/New Chic/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga desculpa demorar a responder se percebeu aqui não estou vindo com tanta frequência, pois nestes dias tenho passado muito mal.
      Tenho piorado Mi, sim isso mesmo e estou correndo por médicos e nenhum deles consegue me ajudar.
      Eles querem me dar remédio e não aceito quero outras alternativas e estou atrás, acredito que temos o direito de dizer não a medicação e usá-la em ultimo caso mesmo.
      Um beijo pra você!!!

      Excluir